Verde acinzentado ganha espaço nas decorações


Tonalidade sóbria traz a sensação da natureza dentro de casa e pode ser usada em todos os ambientes e de diversas formas

Com os centros urbanos cada vez mais inchados, onde o meio ambiente tem perdido espaço para o concreto, é cada vez mais comum que as pessoas busquem o conforto do verde dentro dos próprios imóveis. Desta forma, jardins têm conquistado espaço nos apartamentos, mas este não é o único recurso. A cor verde também tem tido destaque nas decorações por trazer a sensação da natureza para casa. Com tom mais sóbrio e fácil de se encaixar na decoração, o verde acinzentado tem virado tendência, principalmente em ambientes mais sóbrios ou onde as pessoas buscam relaxar. Saiba onde e como usar a tonalidade sem errar.

Usar o verde na decoração é como trazer um pouco da natureza para dentro de casa. “Ele traz as sensações do meio ambiente para o imóvel e é uma cor que faz repousar. Ela pode estar presente em todos os cômodos, mas ganha destaque em ambientes que precisam de mais acolhimento, como sala de estar e quartos”, afirma o arquiteto Artur Diniz. Segundo ele, esta é uma cor que já esteve presente recentemente nas decorações de forma bem incisiva, inclusive de forma mais alegre e vibrante, principalmente em contraponto ao cinza, que predominou o cenário de cores e revestimentos nos últimos anos. “Agora o verde herda um pouco do cinza e se torna sóbrio, mais elegante do que festivo, seguindo a tendência das tonalidades acinzentadas”, completa.

Como o verde acinzentado é uma cor mais sóbria, ela tende a estar presente em decorações masculinas. Mas ele não se resume apenas isso e, versátil, pode estar presente em diversos ambientes e de várias maneiras. “Ele fica bom em sala, quarto, lavabo, um lugar mais fechado. Só precisa ter cuidado para não escurecer demais o ambiente. A tonalidade também pode ser usada em pintura, mobiliária, poltrona, painel, pode ser pintura nas paredes, um detalhe ou em objetos. É uma cor bem versátil, dá para ir do clássico ao moderno”, explica a arquiteta Renata Inojosa.

É possível brincar de muitas maneiras com o verde acinzentado a depender do estilo a que se pretende chegar na decoração. “Para um estilo mais sóbrio, deixe o cinza dar o tom geral da maioria das paredes e dos estofados e o verde acinzentado em apenas uma parede, para não escurecer demais o ambiente. Para obter uma decoração mais alegre, use o verde acinzentado como protagonista no ambiente, onde estofados e objetos de decoração vão aparecer em tons quentes e vivos, como laranjas, amarelo, azuis. É importante fazer um jogo de contraste entre as paredes, móveis e objetos para o resultado não ficar monótono”, reforça Artur Diniz. “É uma cor que combina bem com algumas cores frias, quentes ou neutras. Assim, poderemos usar no mesmo ambiente os brancos, beges, marrons, laranjas, roxos e amarelos na pintura de paredes ou em peças de mobiliário e objetos de decoração pontuais”, acrescenta.

Resultados

O resultado no estilo da decoração, no entanto, vai depender da forma como o verde acinzentado é utilizado, com as cores e os móveis presentes no ambiente. Por ser uma cor sóbria, poderá ser usada numa decoração mais clássica, com móveis de estilo, mas é possível ter esta cor como fundo para uma decoração minimalista, colorida, alegre. “Se você colocar outra cor bem colorida, mais aberta, contrastando, vai ficar um resultado bem moderno. Ou pode usar também com tons mais sóbrios, como madeira e rosé, para deixar mais clássico”, diz Renata Inojosa.

 

 

Fonte: revista.zapimoveis.com.br